14 de novembro de 2011

dEsDoBrAmEnTo CoRpOrAl

                                                                               Iberê Camargo

Vou ao Médico.
Tenho um desdobramento corporal causado por um sonho que ficou preso no Lobo Frontal.
Tentei definir as sequências do movimento dos planetas, atraídos pela gravidade do pensamento criativo.

Não consegui sair do abstracto. Era, para mim, uma tarefa difícil.
Julgo não ter planeado bem o estratagema para executar a acção desejada.
Ainda tentei recorrer á capacidade para ligações emocionais, mas continuei bloqueado na atenção selectiva.
E fiquei triste.
Procurei uma resposta afectiva que conseguisse explicar o meu erro. Esbarrei no julgamento social e permaneci assim, obstinadamente preso a estratégias que não funcionam.
Quantas manipulações serão necessárias para conseguir evitar um trauma no córtex pré-frontal, Sr. Doutor?

Sem comentários: